Provérbios da letra D
Dinheiro emprestaste, inimigo criaste
Dinheiro esquecido, nem é pago nem agradecido
Dinheiro não traz felicidade
Diz o roto ao nu: porque não te vestes tu?
Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és
Do longe de faz perto
Do Natal à Santa Luzia, cresce um palmo em cada dia
Do prato à boca se perde a sopa
Do trabalho e experiência, aprendeu o Homem a ciência
Dos 15 aos 20, caso com quem o meu pai quiser. Dos 20 aos 25 é com quem eu quiser. Depois dos 25, venha quem vier, não fica sem mulher