Provérbios da letra R
Ramos molhados, anos melhorados
Raposa que dorme não caça galinhas
Rego aberto, meia jeira é
Ri-se o diabo quando o pobre dá ao farto
Rogos de rei, mandados são
Roma e Pavia não se fizeram num dia
Ruídos ao Nascente: desapõe os bois e foge sempre